14 Casos em que o empregado pode faltar sem sofrer penalidade.

Escrito por: Karina Valverde.
Data da postagem: 04/09/2017.

1. Luto 2 dias em caso de falecimento do cônjuge, ascendente, descendente, irmão ou pessoa que, declarada em sua carteira de trabalho e previdência social, viva sob sua dependência econômica (art. 473, I, CLT);

2. Para se casar em até 3 dias (art. 473, II);

3. Nascimento do filho (Licença Paternidade) por 01 dia no decorrer da primeira semana (art. 473, III) até 20 dias (Empresa Cidadã);

4. Para doar sangue em até 01 dia por ano (art. 473, IV);

5. Para tirar o título de eleitor em até 02 dias ou não (art. 473, V);

6. Para cumprir o serviço militar (art. 473, VI);

7. Nos dias em que estiver prestando vestibular (art. 473, VII);

8. Para comparecer em audiências, pelo tempo necessário (art. 473, VIII);

9. Pelo tempo que se fizer necessário, quando, na qualidade de representante de entidade sindical, estiver participando de renião oficial de organismo internacional do qual o Brasil seja membro (art. 473, IX);

10. Acompanhar esposa gestante, até 2 dias por ano (Art. 473, X);

11. Acompanhar filho menor de 6 anos em até 1 dia por ano (art. 473, XI);

12. Por motivo de saúde (Lei 605/49 art. 6ª §1º alínea f §2º)

13. Licença maternidade de 4 meses (art. 392, CLT) até 6 meses (Empresa cidadã);

14. Mesário das eleições, o dobro de dias requisitados (Lei nº 9.504/1997, art. 98).

Voltar para Notícias